Igreja Nossa Senhora das Dores

Igreja Nossa Senhora das Dores

A súplica da Mãe ao seu Filho por sua esposa e por outra santa pessoa; sobre como a súplica da Mãe é recebida por Cristo, e sobre a certeza a respeito da verdade ou falsidade em relação a santidade de uma pessoa nesta vida.
Igreja Nossa Senhora das Dores

A súplica da Mãe ao seu Filho por sua esposa e por outra santa pessoa; sobre como a súplica da Mãe é recebida por Cristo, e sobre a certeza a respeito da verdade ou falsidade em relação a santidade de uma pessoa nesta vida.

Livro 2 - Capítulo 30
As Profecias e Revelações de Santa Brígida da Suécia


Maria falou a seu Filho dizendo: “Meu Filho, conceda à sua nova esposa o presente de que seu preciosíssimo corpo possa se enraizar em seu coração, de forma que, ela mesma possa seja transformada em ti e ser preenchida com teu deleite!” Então ela disse: “Este santo homem, quando estava vivendo no tempo, foi tão firme na fé como uma montanha ilesa na adversidade, não distraído pelo prazer. Ele foi tão flexível à tua vontade quanto o ar que se move para onde a força do teu Espírito quer conduzi-lo. Ele foi tão ardente em teu amor quanto o fogo, aquecendo os crescidos no frio e atingindo os maus. Agora sua alma está contigo na glória, mas o vaso que usou está enterrado e descansa em um lugar mais humilde do que é digno. Portanto, meu Filho, eleve seu corpo para uma posição mais digna, faça essa honra, porque ele te honrou em seu próprio pequeno caminho, eleve-o, porque ele te elevou ao alto tanto quanto pôde por meio de seu trabalho!”

O Filho respondeu: “Abençoada és tu, que nada negligencias nos assuntos de seus amigos. Veja, Mãe, não é certo dar o bom alimento aos lobos. Não é correto enterrar na lama a safira que mantém todos os membros saudáveis e fortalece o fraco. Não é bom acender uma vela para um cego. De fato, este homem foi firme na fé e ardente na caridade, já que ele foi pronto para fazer minha vontade com a maior moderação. Portanto, ele tem sabor para mim como de alimento bom preparado pela paciência e pela tribulação, doce e bom na bondade de sua vontade e afeições, ainda melhor em seus viris esforços para melhorar, excelente e mais terno em seu louvável modo de terminar seus trabalhos. Portanto, não é correto para tal alimento ser exposto perante os lobos, cuja fala astuta é nociva para todos.

Ele parece a safira de um anel pelo brilho de sua vida e reputação, provando ele mesmo ser um noivo de sua igreja, um amigo de seu Senhor, um preservador da santa fé e um desprezador do mundo. Então, querida Mãe, não é certo para tal amante da virtude e tão puro noivo ser tocado pelas criaturas impuras, ou sendo um tão humilde amigo se relacionar com os amantes do mundo. Em terceiro lugar, pelo seu cumprimento de meus mandamentos e pelo ensino de uma vida boa, ele foi como uma lâmpada em uma luminária. Através dos seus ensinamentos, fortaleceu aqueles que estavam de pé para que não caíssem. Através de seu ensino ele levantou os que estavam caídos. Assim também, ofereceu inspiração àqueles que podiam vir a me procurar depois dele.

Os cegos pelo seu amor próprio são indignos de ver essa luz. Os que tem os olhos doentes de orgulho são incapazes de perceber essa luz. Pessoas com mãos infectadas não podem tocar esta luz. Esta luz é detestável para os gananciosos e para os que amam sua própria vontade. É por isso que, antes que alguem possa ser elevado a uma posição mais alta, a justiça requer que os que não estão limpos sejam purificados e os que estão cegos, iluminados.

De qualquer forma, com respeito a esse homem que as pessoas da Terra estão chamando um santo, três coisas mostram que ele não era santo. A primeira é que ele não imitou a vida dos santos antes de morrer; segunda, que ele não estava alegremente pronto para sofrer o martírio por causa de Deus; terceiro, que ele não teve uma caridade ardente e com discernimento como os santos. Três coisas fazem uma pessoa parecer santa para o povo. A primeira é a mentira de um homem enganador e insinuante; a segunda é a fácil credibilidade dos tolos; a terceira é a cobiça e indiferença de prelados e examinadores. Se ele está no inferno ou no purgatório não é permitido que saibas até que chegue o tempo para isso.”

Clique aqui para ler mais.
As Profecias e Revelações de Santa Brígida da Suécia

Vídeos Grátis
www.Igreja-Catolica.com
DVDs, Artigos e Livros Gratis!
FREE DVDs & VIDEOS
WATCH & DOWNLOAD ALL OUR DVDs & VIDEOS FOR FREE!